quarta-feira, 9 de dezembro de 2015

AS RELIGIÕES PODEM MUDAR O DESTINO DOS ANIMAIS



A superficialidade das religiões. 

Quando essa transforma o homem no centro do universo, ela o reduz a nada. Essa afasta o ser humano de sua verdadeira essência, do caminho espiritual, da própria alma. Afastando de seus reais semelhantes.

Nada melhor que se religar a Deus, juntando-se a sua obra, ou seja, unindo todos os seres através da igualdade, independente das diferenças, seja, pele, pelo, tamanho, espécie.  O que importa é que são vidas.

O mundo e seu separatismo religioso já é um contra senso da verdade. No sistema piramidal, estamos no topo consciencial dentre todas as criaturas terrenas, porém, não usamos essa característica justificando o nome "consciência". Usamos o ego, onde nos separamos dos demais, assim nos fortalecendo em uma falsa sensação de supremacia, e uma dimensão errônea de nosso verdadeiro tamanho como seres espirituais.

A igreja tem o poder de levar o amor aos animais, e porque não o faz? Essa sim, não é essência como parece, é conduzida por mercados, geoeconomia, interesses políticos, indústrias, isso impede a verdade, a fazendo agir superficialmente, produzindo seres humanos  superficiais por onde pregam, se esses não respeitam seus reais sentimentos.

Seja pelo seu coração, pois quando entregamos nas mãos de quem quer que seja, você passa a ser secundário nas suas vontades. Ame seu semelhante, mesmo que esse rasteje, lata, mie, urre... esses são essências, e valem mais do que qualquer palavras que o subestimem.

Jota Caballero

Comentários
0 Comentários

CRIAR PASSARINHOS É COISA DE RETARDADO! VOCÊ CONCORDA?

Quando digo retardado, não me refiro a deficiência mental e sim, a deficiência  de caráter, maldoso de coração, ruim, ignorante, atras...